quinta-feira, 15 de dezembro de 2011













Hoje tenho bolo para o jantar,
já estou cheio de pizza.
Tudo aqui acaba assim, sempre.
O costume é quem mata o corpo!
A alma não morre,
mas fica triste...

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

 
 
 
 
 
 
Cinza no céu, chumbo no chão...
Tudo cinzento no meu coração.
Cinza de chuva e de fumaça.
Mas, meu amigo, cinza é a cor do nada,
do que se embaça,
de onde tudo pode ser construído!
Mesmo perdido,
vou tingir tudo de vermelho sangue,
mesmo que eu sangre.
Quero tudo colorido!
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Infeliz tentação que me persegue,
ergue teu braço pra fora do poço
pois nele não mais posso mergulhar.
Deixa-me te puxar pra fora,
vem respirar!
Deixa de ser tentação, 
pára de me assombrar.
Vem, pois é muito ar só pra mim, 
posso sufocar!
 
 
 
 
 
 
 
 
Água e sal.
Apenas uma gota que traça o caminho do nada.
Silenciosa gota que desce quente e me afaga.
Apague o cinza que cobriu minha face apagada!
 
 
 
 
 
 
Delirium e tremo.
Eu tremo, tu tremens, ele treme...
Até as bases tremem de vez em quando!
É a condição primeira para o que se sabe sobre felicidade.
Deliro, tremo nas bases...
O meu duplo olhar dá a festa e você não vem.
Mesmo assim a felicidade não arreda pé,
faz questão de sair "na vassoura".
Alma boêmia,
álcool na veia,
Pra mim, você,
na cabeça,
nos ouvidos,
em todos os sentidos,
pelos sete buracos da minha cabeça...
Tremo e paraliso.
Deliro e escrevo.
Nunca é tão fácil...
Sem você e com tudo isso,
quem não tremeria?
Delirium tremens é pouco!
 
 
 
 
 
Negro no céu, de noite.
No céu da boca,
negra, negra, negra,
negra, negra, negra,
negra, negra, negra...
Na minha boca branca,
na cabeça,
na lembrança,
Negra noite...
 
 
 
Transborda
Pinga
Escorre
Enxarca

A paixão
A água
O peito
Alaga

A enxurrada
Carrega
Tudo
Pro esgoto!

Ainda bem que alguns pingos caem no papel.
 
 
 
 
 
 
 
 
Para tudo...
Mas já está tudo parado!
Calado, observo o silêncio...
Nada se mexe.
Nada mexe mais comigo do que o silêncio!

Cala tudo...
E tudo continua calado.
Parado, ouço o som do silêncio...
Nada mexe comigo.
Nem o barulho dos seus passos indo-se.

O silêncio,
o não-som dos seus passos,
a paralisia calada,
o quase nada!
Só eu aqui parado, de boca fechada!
 
 
 
 
 
Sentinela de mim mesmo,
com os olhos bem abertos,
vejo tudo à minha volta.
Vigiando o meu caminho,
percebendo um espinho,
que a minha alma escolta.
Caminhando só, a esmo,
por lugares tão desertos
sempre acabo em minha casa.
Vou entrando de mansinho
como um estranho no ninho,
agora sem tua asa.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

"Antes do Café" e "No ventre da poesia" no Capibaribe in Rock


Na segunda noite do festival a partir das 21h00min horas, subiram ao palco a banda santa-cruzense Coberta de Mulambo que faz uma fusão de regionalismo com rock, e uma boa pedida pra quem gosta de Alceu Valença das “antigas”, em seguida tem o rock inglês “Made in Caruaru” da banda Sonicbirds, e por último se apresenta a banda The Haze de Jaboatão dos Guararapes.

Nos intervalos das apresentações, aconteceu a 2ª Mostra de Cinema Capibaribe, com a segunda parte da exibição dos filmes vencedores da 4ª Edição do Festival Curta Taquary, e também alguns trabalhos dirigidos pelo cineasta santa-cruzense Carlos Mosca.

Na sede da UESCC, aconteceu a exposição dos trabalhos de diversos artistas plásticos locais.

http://capibaribeinrock.blogspot.com

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

"No ventre da poesia" será exibido em mais uma mostra em Taquaritinga do Norte/PE

Programação 1º Criancine - Festival de Cinema Infanto Juventil
Durante O Curta Taquary, Festival Nacional de Curta Metragem, que já está em sua 4ª edição, foi percebido a necessidade de um trabalho mais voltado para o público infantil. Já que 80% da platéia foi formada por crianças e adolescentes, onde muitas dessas crianças nunca haviam estado em uma sala de projeção.
      O CRIANCINE é um Projeto cultural, que tem como objetivo maior, levar através do cinema momentos educacionais e de desenvolvimento social para crianças e adolescentes da cidade de Taquaritinga do Norte e região. Este projeto envolve escolas e sociedade, ajudando na difusão de obras audiovisuais e desenvolvendo uma consciência crítica junto aos envolvidos neste processo, valorizando características intrínsecas de inovações estéticas, originalidade e outras, permitindo o amplo envolvimento da população. Sendo o Criancine um veículo gerador de inclusão social através da arte, proporciona a universalização do conhecimento junto aos envolvidos, sem nenhum custo, uma vez que todas as atividades desenvolvidas durante a realização do CRIANCINE são gratuitas e abertas para o público em geral, democratizando desta forma o acesso da população as produções audiovisuais participantes deste importante evento.
      O projeto será desenvolvido com uma parceria entre realizadores e as escolas da cidade, visando uma interação entre cinema, alunos e educadores.
      O evento acontecerá de 23 a 25 de Novembro de 2011, no Cine Teatro Santo Amaro, na cidade de Taquaritinga do Norte – Pernambuco. Com entrada franca.
   
 Confira os selecionados e a programação:
http://www.criancine.com/

Selecionados para o 1º Criancine – Festival de Cinema Infanto Juvenil

Animação


Josué e o Pé de Macaxeira (Diogo Viegas – RJ) 12’
Quando as cores somem (Luciano Lagares – SP) 15’
Espetáculo – O Mágo e a Domadora (Rafael Jardim – BA) 3’
Imagine uma Menina com Cabelos de Brasil... (Alexandre Bersot – RJ) 10’
Eu Queria Ser Um Monstro (Marão - RJ) 8'
Buba e o Aquecimento Global (Eduardo Takao Nakamura – SP) 1’
Cortejo (Marilia Poggiali – MG) 5’39’’
Coices e Coceiras (Eddie Souza – RJ) 3’36’’
Carrapatos e Catapultas – A caixa da Luz (Almir Correia – PR) 11’
E agora o que nois ramú cume? (Daniel Luiz Batista – AM) 2’40’’
O Returno de Saturno (Lisandro Santos – RS) 12’
Para Além da Razão (Gladys Mariotto – PR) 12’
I-Juca Pirama (Ítalo Cajueiro e Elvis Kleber – DF) 15’
TamanduAbandeira (Ricardo de Podestá – GO) 8’
As Curvas do Niemeyer (Alunos da rede municipal de Vitória – ES) 10’
Preservar (Thiago Herbert – MG) 1’
Pipoca (Daiane Machado e Natasha Ferla – RS) 1’21’’
Clavadista (Chico Bela – SP) 1’13’’
Disputa entre o diabo e o padre pela posse do cênter-fór na festa do santo mendigo (Francisco Tadeu e Eduardo Duval – RS) 11’
O Corvo e o Jarro (Camille Cortez – SP) 2’41’’
A Lenda da Água (Luana Mucci, Lorrine Kling, Bárbara Cleffs, Yuri Strachan, Rafael Domingues, Thiago Quadros – RJ) 5’
O Anão que virou gigante (Marão – RJ) 11’
- A fábula da Corrupção (Lisandro Santos - RS) 8’15’’   

Documentário

No Ventre da Poesia (Karlla Christine e Carlos Mosca – PB) 15’
Ele era um menino feliz – O Menino Maluquinho, 30 anos depois (Caio Tozzi e Pedro Ferrarini – SP) 19’52’’
Peixe (Rogério Nunes – SP) 2’
Mãos que falam – a inclusão surda (José Santana e Marcela Pimenta – PE) 20’
Travessia (Kennel Rógis – PB) 14´

Ficção

Maldita Sorte (Ismael Moura – PB) 20’
As Folhas (Deleon Souto – PB) 14’
Doido Lelé (Ceci Alves – BA) 17’
O Menino Mofado (André Pellenz – RJ) 10’
Meu avô e Eu (Caue Nunes – SP) 13’
Máquina de Sorvetes (Christopher Faust – PR) 16’
Garoto Barba (Christopher Faust – PR) 14’
Naiá e a Lua (Leandro Tadashi – SP) 13’
As aventuras de Seu Euclides: Chegança (Marcelo Roque Belarmino – SE) 15’
O Lobo (Jaqueline M. Souza – PR) 16’
Severino quer gravar (Jetro Osytek – DF) 9’
Pimenta (Eduardo Mattos – SP) 15’

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

A poesia do Sertão do Pajeú continua sendo assistida pelo Brasil. "No ventre da poesia" selecionado no Curta Carajás.

III Curta Carajás
Festival de cinema de Parauapebas

Caros cineastas, produtores, entusiastas e o público amante da sétima arte brasileira. Estamos iniciando a terceira edição do nosso festival de cinema.
CurtaCarajás 2011, o festival de cinema de Parauapebas, que traz em seu nome a junção de duas palavras importantes que expressam nossa identidade. São elas: Valorização, incentivo e difusão da produção de curtametragens brasileiros e inserção da região de Carajás no circuito de festivais de cinema do Brasil, nos tornando mais uma janela de exibição para essas produções.
Sejam bem vindos ao CurtaCarajás 2011

Mostra Competitiva - Seleção Oficial

A arte de andar pelas ruas de Brasília
Brasília/DF - 17'40" – Ficção
Direção: Rafaela Camelo

A Copa das Pessoas
Porto Alegre/RS – 17’ -  Doc
Direção: Daniel Marvel e Everson Klein

A fábrica
Curitiba/PR – 15’ – Ficção
Direção: Aly Muritiba

A Fábula da Corrupção
Porto Alegre/RS – 8’ 15’’ – Animação
Direção: Lisandro Santos

A Lenda da Água
Petrópolis/RJ – 5’ – Animação
Direção: Luana Mucci

A Mala
Belém/PA - 1'46" – Animação
Direção: Fabiannie Bergh / Francisco Leão / João Augusto Rodrigues / Ricardo Catete

A Melhor Idade
Rio de Janeiro/RJ - 14'53'' – Ficção
Direção: Angelo Defanti

A Menina Metalinguística e o Garoto Melancólico
Itanhandu/MG – 11’ – Ficção
Direção: Guga Caldas

ALL YOU NEED IS LOVE
São Paulo/SP - 17'30" - Ficção
Direção: Wagner Depintor

Amigos Bizarros do Ricardinho
Porto Alegre/RS -  20’ -  Ficção
Direção: Augusto Canani

Braxília
Brasília/DF -  17'30'' – Doc
Direção: Danyella Proença

Brecha
Recife/PE - 5'43 – Animação
Direção: Julia Araujo e Nathalia D'Emery

Corneteiro Não se Mata
Santa Cruz do Sul/RS – 19’ – Ficção
Direção: Pablo Müller

DOCE DE COCO
Russas/CE – 20’  - Ficção
Direção: Allan Deberton

Ela veio me ver
Campo Grande/MS - 16'45'' – Ficção
Direção: Essi Rafael

Flash
São Paulo/SP - 17'02" -  Ficção
Direção: Alison Zago

Furico & Fiofó
Rio de Janeiro/RJ – 8’ – Animação
Direção: Fernando Miller

Hasta la vista
Brasília/DF – 14’37’’ – Ficção
Direção: Walder Junior

I-Juca Pirama
Brasília/DF – 15’ – Animação
Direção: Elvis Kleber e Ítalo Cajueiro

Inquérito Policial nº 0521/09
São Paulo/SP – 13’ – Ficção
Direção: Vinícius Casimiro

Irmãs
João Pessoa/PB – 15’ – Doc
Direção: Gian Orsini

IVAN
São Paulo/SP - 16'22'' -  Ficção
Direção: Fernando Rick

Lamúria
Campina Grande/PB - 14' 48" – Ficção
Direção: Nathan Cirino

Lápis-de-cor
Rio de Janeiro/RJ – 16’ -  Ficção
Direção: Alice Gomes

Longe de Casa
Goiânia/GO – 5’42’’ – Ficção
Direção: Getúlio Ribeiro

Nêgo
Rio de Janeiro/RJ – 7’ -  Doc
Direção: Marcelo Coutinho

No ventre da poesia
Campina Grande/PB – 15’ – Doc
Direção: Karlla Christine e Carlos Mosca
O céu no andar de baixo
Belo Horizonte/MG – 15’ – Animação

O Contador de Filmes
João Pessoa/PA -  15’ – Doc
Direção: Elinaldo Rodrigues

O Sabiá
Porto Alegre/RS – 15’ – Ficção
Direção: Zeca Brito

O último jokenpo
São Paulo/SP – 15’ – Ficção
Direção: Chris Tex

Onde Você Vai?
São Paulo/SP – 15’ – Ficção
Direção: Victor Fisch

Oyasuminasai
São Paulo/SP – 6’ – Ficção
Direção: Leandro Tadashi

PEREGRINOS
Campina Grande/PB – 17’20’’ – Doc
Direção: Adeilton Costa Pereira

Seca Verde
Salvador/BA -  18’15’’ -  Doc
Direção: Nicolas Hallet e Simone Dourado

Tadinha
Salvador/BA – 5'23" -  Animação
Direção: Maria Luiza Barros, Ducca Rios, Leonardo Copello

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

2ª Mostra Nacional Curta Sertão - "No Ventre da Poesia" está lá!

Aldeia Pankararu - Brejo dos Padres
A coordenação da 2ª Mostra Nacional Curta Sertão recebeu 127 inscrições de filmes e vídeos de várias partes do Brasil. Foram selecionadas 40 obras que serão exibidas em cinco sessões: duas não-competitivas em aldeias indígenas da região e três mostras competitivas na cidade de Floresta/PE. A seleção final, seguindo preceitos democráticos da Mostra, foi realizada no Coletivo Lugar Comum, no Recife. 
Além dos integrantes do Coletivo, foram convidados cineclubistas, atores, videastas, educadores, estudantes etc. Estiveram presentes nas sessões Liana Gesteira (jornalista e bailarina); Renata Pimentel (professora e mestra em literatura); Orlando Nascimento (educador e videomaker); Renata Muniz (bailarina); Ivo Sabino (cineclubista e estudante); Maria Agrelli (bailarina); Bárbara Gonçalves (cineclubista e educadora); Roberta Ramos (professora e pesquisadora); Caio Lima (músico e ator); Priscila Figueiroa (bailarina); Cláudio Malaquias (produtor), entre outros.
A 2ª Mostra Nacional Curta Sertão acontece entre os dias cinco e nove de dezembro de 2011, próximo as festividades que celebram o santo padroeiro da cidade de Floresta, Bom Jesus dos Aflitos. Vamos nessa!! Segue a programação.

Mostra não competitiva
05/12/2011 - aldeia Travessão do Ouro - Floresta/PE

Libertas (MG, 2011)

Monocromaticamente (PE, 2010)
Preservar (MG, 2011)
Conversinha Mineira (RJ, 2009)
No Ventre da Poesia (PB, 2011)
Visita à Aldeia Guarani (SP, 2009)
Dona Militana - A Romanceira dos Oiteiros (SP, 2010)
Mato Alto - Pedra Por Pedra (CE, 2011)
 

06/12/2011 - aldeia Brejo dos Padres - Tacaratu/PE

A Lenda da Água (RJ, 2011)
As Aventuras de Brufurd e Calahan (RN, 2009)
Cores da Rua (PE, 2010)
O Poeta e a Bicicleta (RN, 2010)
Niwathima (RJ, 2009)
Fulô de Açucena (PE, 2010)
Deus Lhe Pague (RJ, 2009)
Dulce Guerrilheira (SC, 2011)
A Vida no Ritmo (RJ, 2010)

Mostra competitiva  
07/12/2011 - local à definir - Floresta/PE

É Muita Areia Pro Meu Caminhãozinho (SP, 2010) – 14’41”
Furico & Fiofó (RJ, 2011) – 8’
Angeli 24 Horas (RJ, 2010) – 25’
Braxília (DF, 2010) – 17’30”
Flash (SP, 2010) – 17’02”
Asfixia (SP, 2011) – 15’
A Melhor Idade (RJ, 2011) – 14’53”

08/12/2011 - local à definir - Floresta/PE

Kopeck (RS, 2011) – 12.40
Fritz (SC, 2010) – 22’
Ícaro (RN, 2010) – 1’
Zip (PE, 2010) – 4’40”
Naiá e a Lua (SP, 2010) – 13’
Doce de Coco (CE, 2010) – 20’
Orquestra do Som Cego (SP, 2010) – 13’
Coco de Improviso e a Poesia Solta no Vento (PE, 2011) – 25’

09/12/2011 - local à definir - Floresta/PE

Brecha (PE, 2010) – 5’43”
O Plantador de Quiabos (SP, 2010) – 15’
Irmãs (PB, 2011) – 14’55”
Duas Vidas para Antônio Espinosa (SP, 2011) – 16’
Entre Muros (RJ, 2011) – 16’
O Céu no Andar de Baixo (MG, 2010) – 15’
Rái Sossaith (SP, 2011) – 10’
As Aventuras de Paulo Bruscky (PE, 2010) – 19’ 

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

NO VENTRE DA POESIA PRESENTE EM MAIS UM FESTIVAL


"No Ventre da poesia na mostra competitiva do Festival de Petrópolis/RJ


É com satisfação, que tornamos pública, a lista completa das obras selecionadas para a Mostra Competitiva 35mm & Digital, para o 2º Festival Nacional de Cinema de Petrópolis, edição 2011, www.festcinepetropolis.com.br  -  www.festcinepetropolis.blogspot.com

Nesta edição, e dentro do cenário citado, o festival obteve a marca das 157 obras inscritas, advindas de 13 estados do Brasil e do Distrito Federal.
Foram selecionadas 44 obras audiovisuais, compreendidas por 35 curtas-metragens e 09 longas-metragens.
A grade é composta com um leque variado, atestando a pluralidade do Festival, com a participação de novos e importantes nomes do cinema nacional.
A comissão de pré-seleção, responsável diretamente pela seleção das obras que compõem a Mostra Competitiva, foi formada por Rosa Guerra Peixe, atriz e coreógrafa, Isabela Lisboa, Jornalista e Fotógrafa, Claudia Ribeiro, artista plástica, Lu Maia, especializada em filmes alternativos e diretora da Cult Video, e estudantes de Comunicação e Publicidade da Faculdade Estácio de Sa, campus Petrópolis, com a modalidade de "voto universitário", com a coordenação da Professora Bia Galvão.


Obras selecionadas:
Longas
1 DIA DE PRETO 90 FICÇÃO DIGITAL RJ 14 ANOS MARCOS FELIPE, DANIEL MATTOS & MARCIAL RENATO
2 ESPIRAL 75 FICÇÃO DIGITAL RJ 14 ANOS PAULO PONS
3 MÃE E FILHA 80 FICÇÃO 35MM CE 14 ANOS PETRUS CARIRY
4 MALDITOS CARTUNISTAS 93 DOC DIGITAL RJ LIVRE DANIEL GARCIA & DANIEL PAIVA
5 NOEL ROSA 120 DOC DIGITAL RJ LIVRE DACIO MALTA
6 OS RESIDENTES 120 FICÇÃO DIGITAL MG 16 ANOS TIAGO MATA MACHADO
7 RÉQUIEM PARA LAURA MARTIN 108 FICÇÃO DIGITAL RS 16 ANOS LUIZ RANGEL & PAULO DUARTE
8 RISCADO 85 FICÇÃO DIGITAL RJ LIVRE GUSTAVO PIZZI
9 SOLDADOS A CAMINHO DO PUTEIRO, MEMÓRIAS DE UMA GUERRA QUASE
IMAGINÁRIA 78 DOC DIGITAL SP LIVRE HERMES LEAL
Curtas
1 01:21 11 FICÇÃO DIGITAL PE 12 ANOS ADRIANA CAMARA 
2 A DANÇA DO TEMPO 23 DOC DIGITAL RJ LIVRE CHRISTIAN SPENCER
3 A MELHOR IDADE 15 FICÇÃO DIGITAL RJ 12 ANOS ANGELO DEFANTI
4 ACABOU-­‐SE 17 FICÇÃO 35MM CE LIVRE PATRICIA BAIA
5 ACERCADACANA 20 DOC 35MM PE LIVRE FELIPE PERES CALHEIROS
6 APHASIA 18 FICÇÃO DIGITAL SP 12 ANOS CAINAN BALADEZ
7 AS FOLHAS 14 FICÇÃO DIGITAL PB LIVRE DELEON SOUTO
8 BOA NOITE 14 FICÇÃO 35MM SP 10 ANOS BEL BECHARA & SANDRO SERPA
9 CÉU, INFERNO E OUTRAS PARTES DO CORPO 7 ANIMAÇÃO DIGITAL RS 12 ANOS RODRIGO JOHN
10 COBERTURA I 16 DOC DIGITAL RJ ??? ADRIANO BIDÃO
11 DEPOIS DA PELE 14 FICÇÃO DIGITAL RS 14 ANOS MÁRCIO REOLON & SAMUEL TELLES
12 DEPOIS DA QUEDA 17 FICÇÃO 35MM MT LIVRE BRUNO BINI
13 DOCE DE CÔCO 20 FICÇÃO 35MM CE LIVRE ALLAN DEBERTON
14 DUAS VIDAS PARA ANTONIO ESPINOSA 16 FICÇÃO 35MM SP 14 ANOS CAIO D'ANDREA & RODRIGO FONSECA
15 ELA VEIO ME VER 17 FICÇÃO DIGITAL MS 10 ANOS ESSI RAFAEL
16 FLASH 17 FICÇÃO DIGITAL SP 12 ANOS ALISON ZAGO
17 IMAGINE 10 ANIMAÇÃO DIGITAL RJ LIVRE ALEXANDRE BERSOT
18 INSUSTENTÁVEL 15 DOC 35MM SP LIVRE LUISA PEREIRA
19 LÁPIS DE COR 16 FICÇÃO 35MM RJ LIVRE ALICE GOMES
20 MOBY DICK 8 ANIMAÇÃO DIGITAL SP LIVRE ALESSANDRO RIBEIRO CORRÊA
21 NO VENTRE DA POESIA 15 DOC DIGITAL PB LIVRE KARLLA CHRISTINE & CARLOS MOSCA
22 O CÃO 10 FICÇÃO DIGITAL RS 16 ANOS ABEL ROLAND & EMILIANO CUNHA
23 O CASO LIBRAS 14 FICÇÃO DIGITAL RJ LIVRE MELISE MAIA
24 O CÉU NO ANDAR DE BAIXO 15 ANIMAÇÃO 35MM MG 10 ANOS LEONARDO CATA PRETA
25 O QUARTO CONTO 7 FICÇÃO DIGITAL RJ LIVRE SAMUEL LOBO
26 OIJA 13 FICÇÃO DIGITAL SP LIVRE MARCELO GALVÃO
27 ORQUESTRA DO SOM CEGO 13 DOC 35MM SP LIVRE LUCAS GERVILLA
28 PERTO DEMAIS SE ENXERGA DE MENOS 11 DOC DIGITAL RJ LIVRE LILYEN VASS & VALERIA VALENZUELA
29 PREGADORES 7 DOC DIGITAL RJ LIVRE KOPKE & CAVI BORGES
30 SALA DE MILAGRES 13 DOC DIGITAL BA 12 ANOS CLAUDIO MARQUES & MARILIA HUGHES
31 SECA VERDE 19 DOC DIGITAL BA LIVRE NICOLAS HALLET & SIMONE DOURADO
32 TEMBIARA 11 ANIMAÇÃO DIGITAL MG 10 ANOS JACKSON ABACATU
33 UM PAR 22 FICÇÃO DIGITAL DF 12 ANOS GABRIEL RAMOS
34 ÚLTIMO CASO 15 FICÇÃO DIGITAL SP 12 ANOS EREZ MILGROM
35 VARIAÇÕES SOBRE O MESMO TEMA FERNANDO TIMBA & THIAGO AMARAL

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Confiram a programação do cinecongo



QUINTA - FEIRA (10/11/2011)

8H00 - Mostrinha de Cinema Infantil (PETI E CRECHE)
13H00 - Mostrinha de Cinema Infantil (PETI E CRECHE)
13H00 - Mostra Especial (Escola Municipal)
- A Caixa d'água do Sertão (Doc. 32') Dir: Diassis Pires - Coremas
19H00 - Abertura Oficial do Festival CineCongo
20h00 - Mostra Panorama Congo
- Fubo é Bom (Doc. 1') Dir: José Dhiones
20h02 - Mostra Competitiva Panorama Cidades Gandes
- No ventre da Poesia (Doc. 15’) Dir: Carlos Mosca e Karlla Christine - Campina Grande
- A Identidade da Memória Morta (Doc. 15’) Dir: Rebecca Cirino - Campina Grande
- Irmãs (Doc. 15’) Dir: Gian Orsini - João Pessoa
- A Última Oração (Fic. 11’) Dir: M. Quixaba - João Pessoa
- Nublado (Fic. 8’33”) Dir: João Paulo Palitot - João Pessoa
- Antes do Café (Fic. 8’33”) Dir: Carlos Mosca - Campina Grande
Duração da Mostra: 1h16
21h18  - Discotek Power Dance no POVÃO

SEXTA - FEIRA (11/11/2011)
8h00 - Mostrinha de Cinema Infantil (Escola SCJ)
8h00 - Oficina Linguagem e Princípios da Edição
Ministrante: Ely Marques       Local: Biblioteca Pública
8h00 – Oficina de Realização em 1 Minuto
Ministrante: M. Quixaba    Local: Centro de Convivência
9h00 - Fórum Audiovisual dos Festivais e Mostras da Paraíba
13h00 - Mostrinha de Cinema Infantil (Escola SCJ)
14h00 - Oficina de Linguagem e Princípios da Edição
14h00 – Oficina de Realização em 1 Minuto
14h00 - Fórum Audiovisual dos Festivais e Mostras da Paraíba
15h00 - Mostra Especial (Escola Estadual)
- A Caixa d'água do Sertão (Doc. 32') Dir: Diassis Pires - Coremas
19h00 - Lançamento do Cordel “Cinema da Paraíba”, Autor José Genilson
Local: Auditório Municipal
19h00 - Mostra Competitiva Panorama Minuto
- A Foca do Judeu (Animação 1’) Dir: Altiéres Estevam, Diane Silva e Jonatha Medeiros - Campina Grande
- Capote (Fic.1’) Dir: Carine Fiúza e M. Quixaba -João Pessoa
- João Teimoso II (Fic. 1’) Dir: Laércio Ferreira Filho -Aparecida
- Cidadezinha Qualquer (Fic. 2’) Dir: Wellyson Malon Júnior -Picuí
19h06 - Mostra Competitiva Panorama Interior
- No meu pé de parede (Doc.15’) Dir: Ighor do Egito - Serra Branca
- A Foca do Judeu (Animação 1’) Dir: Altiéres Estevam, Diane Silva e Jonatha Medeiros - Campina Grande
- Capote (Fic.1’) Dir: Carine Fiúza e M. Quixaba -João Pessoa
- João Teimoso II (Fic. 1’) Dir: Laércio Ferreira Filho -Aparecida
- Cidadezinha Qualquer (Fic. 2’) Dir: Wellyson Malon Júnior -Picuí
- Na cabeça do povo (Doc. 15’) Dir:Helena Maria Pereira - Nazarezinho
- Travessia (Doc.1 3’50’’) Dir: Kennel Rógis - Coremas
- Olhar_Particular (Doc. 10’40’’) Dir: Paulo Roberto - Nazarezinho
- Antoninha (Fic. 19’49’’) Dir: Laércio Ferreira Filho - Aparecida
- Degradação das Almas (Fic. 15’) Dir: Ismael Moura - Cuité
- As Folhas (Doc. 14’) Dir: Deleon Souto - Patos
- Metafísica (Fic. 12’) Dir: Eduardo Gomes - Dona Inês
Duração das Mostras: 2h
21h06 - Programação Social

SÁBADO (12/11/2011)
8h00 - Oficina Realização em 1 Minuto
8h00 - Encontro dos Cineclubes da Paraíba
Local: Pousada Paraíso da Serra
8h00 - Oficina Linguagem e Princípios da Edição
14h00 - Encontro dos Cineclubes da Paraíba
14h00 - Oficina Realização em 1 Minuto
19h00 - Feira do Troca, venda e doações de filmes
Local: Auditório Municipal
19h30 - Exibição do Filme Convidado
- Romance do Vaqueiro Voador (Doc. 60’) Dir:Manfredo Caldas - DF
20h30 - Premiação do Festival CineCongo
21h00 - Discotek Power Dance no POVÃO

DOMINGO (13/11/2011)
6h00 - Passeio Ecológico
Rota 1 - Pedra do Letreiro (Sol Rupestre);
Rota 2 - Pedra Fubo é Bom;
Rota 3 - Rabo do Pavão.
13h00 - Encontro da Cooperativa Botija de Filmes
15h00 - Inauguração do Espaço Marcélia Cartaxo
Local: Pousada Paraíso da Serra
19h00 - Mostra Informativa Panorama Brasil
- Pegadas de Zila (Fic.11’) Dir: Valério Fonseca - RJ
- O Poeta e a Bicicleta (Doc.12’) Dir:Thalles Chaves, Toinha Lopes e Gustavo Luz - RN
- Aperreio (Doc. 20’) Dir: Doty Luz e Humberto Capucci - SP
- Mato Alto (Doc.15’) Dir: Arthur Leite - CE
- Apenas Ume (Fic.7’58”) Dir: Leo Tabosa - PE
Duração da Mostra: 1h04
20h05 - Cerimônia de Encerramento do Festival CineCongo
20h30 - Programação Social

terça-feira, 4 de outubro de 2011

"No ventre da poesia" e "Antes do café" selecionados no 7º Curta Ourinhos

7º Curta Ourinhos - cinema é diversidade - programação

Dias 26 e 27 – quarta e quinta – 14h
Mostra Infantil – Competitiva 




Cores e botas
Juliana Vicente/15’’50/FIC./São Paulo/SP
Joana tem um sonho comum a muitas meninas dos anos 80: ser Paquita. Sua família é bem sucedida e a apóia em seu sonho. Porém, Joana é negra, e nunca se viu uma paquita negra no programa da Xuxa.

 

Além do muro
Camila Mitiko Inagaki/2’07’’/ANI./Pelotas/RS e Ourinhos/SP.
Em um reino encantado chamado Rizenbool vive uma linda princesa condenada por um terrível feitiço: só poderia se aproximar dela quem tivesse o coração puro. Muitos valentes cavaleiros já tentaram romper o feitiço, mas não conseguiram. Até que um jovem plebeu surge e poderá mudar o destino de sua vida.


Memórias do meu tio
Alexandre Rafael Garcia e Álvaro Zeini Cruz/13’/FIC./Curitiba/PR
As aventuras de Ariel, um garoto de 10 anos que encontra o tio avô já morto e ao lado dele parte em busca de um tesouro inimaginável.




Ela veio me ver
Essi Rafael/16’/FIC./Aquidauana/MS
Delcides e Tatiane vão passar uma tarde juntos, pela primeira vez.

 
Da cor do coração
Aurélio Araújo/9’54’’/FIC./Campinas/SP
Luiz Henrique é um garoto daltônico, mas não sabe disso. Vive, portanto, se metendo em probleminhas, sem entender a razão. Quando descobre sua condição, passa por uma jornada leve e engraçada até a aceitação.

Pimenta
Eduardo Mattos/13’/FIC./São Paulo/SP
Interior da Bahia. Anos sessenta. Não fosse a garrafa de pimentas que seu pai ganhara de presente, seria uma tarde qualquer para Zeca. Era uma garrafa linda, mas muito perigosa. Ele tinha que se livrar dela.




Dia 26 – quarta – 20h
Mostra Principal – Competitiva 



Vidas deslocadas
João Marcelo Gomes/13’11/DOC./Curitiba/PR
Os Palestinos Faez Abbas e sua esposa Salha Nasser vivem forçadamente deslocados de sua cultura em família.


Pegadas de Zila
Valério Fonseca/11’/FIC./Rio de Janeiro/RJ
Mulher revive a poesia de Zila Mamede em seu dia-a-dia e sua vida se transforma pela poesia.





A sentinela da hora
Alexandre N. Almeida/8’/FIC./São Paulo/SP
Um rapaz reflete os sete anos que passou no exército como sentinela.


Vó Maria
Tomás Von Der Osten/6’13’’/DOC./Curitiba/PR
Uma memória em três tempos.




O caso libras
Melise Maia/ 15’/FIC./Rio de Janeiro/RJ
Baseado em fatos reais, o filme conta a história de um casal de surdos que embarca em um ônibus, discutindo em libras (linguagem brasileira dos sinais) e o homem mata a mulher. Os passageiros do ônibus mudam seu destino, indo parar na delegacia. Resta ao delegado contornar a confusão até a chegada de um intérprete.

 


Amor de Thanatos
Helena Guerra/ 6’/FIC./São Paulo/SP
Um cliente novo entra na barbearia. O barbeiro, no entanto mal percebe sua presença: só tem olhos para a sua mais nova paixão.

 

Com vista para o céu
Allan Ribeiro/10’/FIC./Rio de Janeiro/RJ
Homem e mulher tentam contato em uma grande metrópole, diante de tanta incomunicabilidade, onde o som urbano invade os espaços.


 O céu no andar de baixo
Leonardo Catapreta/15’/ANI./Belo Horizonte/MG
Desde os 12 anos de idade, Francisco faz fotografias de céu. Um dia, algo diferente aparece em uma de suas fotografias mudando a sua rotina.





Dia 27 – quinta – 9h
Mostra Principal – Competitiva


Paiol
João Marcelo Gomes/15’/DOC./Curitiba/PR
Documentário sobre o teatro Paiol, de Curitiba,construído a partir de um antigo armazém de pólvora.




No ventre da poesia
Karlla Christine e Carlos Mosca/ 15’/DOC./Itapetim/PE
Reflexão sobre a cidade onde “nasceram mais poetas por metro quadrado do mundo”, Itapetim, localizada no sertão do Pajeú, se auto intitula “ventre imortal da poesia”. Lá nasceram nomes como Rogaciano Leite, Job Patriota, Lourival, Otacílio e Dimas Batista, Vicente Preto e outros repentistas do Brasil.

Propriedades de uma poltrona
Rodrigo John/8’34’’/ANI./Porto Alegre/RS
Em casa de Jacinto as crianças se divertem com as estranhas propriedades de uma velha poltrona, até que a passagem do tempo as faça ver o misterioso móvel com outros olhos.

Festivais:
Curta nas Telas Porto Alegre 2010.
Animamundi Rio de Janeiro e São Paulo 2011.
Cinesul Rio de Janeiro 2011.

Pitangueira
Juliano Cesar Pareira/18’/FIC./São Paulo/SP
A obra retrata uma clínica psiquiátrica onde as coisas mais simples, assim como no restante do mundo, são as mais importantes. É na rotina desta instituição e entre diversos fragmentos de estórias que se destaca a vivência de Seu Zé, um senhor que vive um surto de sanidade devido ao seu amor pelo cão da instituição, Otto.

Bingo
Jéssica Lopes/12’20’’/FIC./Santos/SP
Um dia na vida de Nelson, um jovem senhor que não deixa a idade desanimar o seu coração.


Com a mosca azul
César Netto/15’/FIC./São Paulo/SP
Cinco amigos decidem se reunir após um longo tempo sem se ver. Porém, alguns fatos da vida fazem com que o encontro não seja bem sucedido.




Dia 27 – quinta – 20h
Mostra Principal – Competitiva 



As aventuras de Paulo Bruscky
Gabriel Mascaro/20’/DOC./Recife/PE
O artista Paulo Bruscky entra na plataforma de relacionamento virtual “Second Life” e conhece um ex-diretor de cinema, Gabriel Mascaro, que hoje vive, se diverte e trabalha fazendo filmes na rede virtual. Paulo encomenta a Gabriel um registro em formato de documentário de suas aventuras no Second Life.


Céu, inferno e outras partes do corpo
Rodrigo John/7’30’’/ANI./Porto Alegre/RS
Ele é um cachorro. Sua ex, uma cadela. Sua vida, osso duro de roer.
Prêmios:
Melhor filme júri popular Cine Esquema Novo 2011
Melhor montagem Cine PE 2011.

Escola de bambu
Vinícius Zanotti/15’02’’/DOC./São Paulo/SP
Na periferia de Monróvia, capital da Libéria, país africano devastado por uma
guerra civil entre os anos 1989 e 2003, Sabato Neufville ergueu uma escola com
paredes de bambu e teto de folhas de zinco. No local, 160 crianças são alfabetizadas e
adquirem noções de geografia, história, inglês e ciências. Documentário produzido com objetivo de contribuir para a construção de uma escola de alvenaria para aquelas crianças.

A dama do Peixoto
Douglas Soares/11’/DOC./Rio de Janeiro/RJ
Ela está aqui, ela está ali, e os invisíveis são os outros.

 

 Depois do almoço
Rodrigo Diaz Diaz/13’/FIC./Pompéia/SP
Um típico almoço de domingo entre amigos: maridos entretidos com o futebol, pequenas discussões com os filhos, esposas levemente alteradas. Até que alguns segredinhos são revelados, entre elas um sonho erótico capaz de mudar o rumo dessa prosa.


Releitura
Cristiano Aro/25’/FIC./Marília/SP
Entediada com sua vida chata, a única diversão de Kelly é subir o Morro Floresta, um local encantado onde mora sua avó. Mas quando o coelho Rabito aparece e pede que ela faça uma visita de urgência a sua avó, coisas começam a ocorrer e surge a dúvida: O morro floresta é encantado ou maldito? Nessa última visita, Kelly finalmente terá esta e muitas outras respostas. Gravado na maior comunidade carente da cidade de Marília/SP.



Dia 28 – sexta – 9h
Mostra Principal – Competitiva


Janela Molhada
Marcos Enrique Lopes/22’45’’/DOC./Recife/PE
A trajetória dos imigrantes europeus que trouxeram os primeiros equipamentos de cinema para o Brasil e propiciaram em alguns estados os Ciclos Regionais de Cinema. Além disso, o filme conta como através do método janela molhada se recuperam películas em nitrato. Entre os depoimentos está o da última remanescente do cinema mudo no Brasil, Dona Didi, de 92 anos, residente no Recife e filha de um dos italianos pioneiros do cinema em Pernambuco.

A lenda da água
Luana Ruffolo Mucci/5’/ANI./Petrópolis/RJ
Um liquido incolor, insípido e inodoro é revelado, até então não se sabe da sua existência, nem mesmo seu nome. Sua história é contada e a cada momento nos surprendemos, nos perguntando se já não ouvimos essa história antes.

Antes do café
Carlos Mosca/8’33/FIC./Campina Grande/PB
O filme é uma adaptação da peça homônima de Eugene O’neil. Alfredo um intelectual, escritor de contos, tem conflitos no seu relacionamento familiar, causados pela falta de emprego e diferenças culturais.

Os japoneses no Vale do Ribeira e sudoeste paulista
Chico Guariba/26’/DOC./São Paulo/SP
O documentário conta a história da colonização japonesa na região através de depoimentos de imigrantes japoneses e seus filhos. A chegada ao Brasil, as dificuldades iniciais em uma região isolada, o cultivo do arroz, da banana e do chá, a arquitetura diferenciada, os casamentos, a educação dos filhos e as atividades culturais e esportivas são alguns dos temas abordados e ilustrados por uma vasta iconografia da época.

Aloha
Paula Luana Maia e nildo Fereira/15’/DOC./Santos/SP
Do mar, a inspiração para a vida. Das ondas, o impulso para o prazer. Como os avanços tecnológicos acabaram com as barreiras entre surfistas com necessidades especiais e sua paixão pelas ondas.



Conversinha Mineira
Jorge Monclar/12’/FIC./Rio de Janeiro/RJ
Numa cidade do interior de Minas Gerais, um passante entra numa leiteria para tomar um café com leite. O dono do bar e seu comparsa desenrolam uma longa conversa com este freguês, até que ele descubra que na leiteria nem sempre há leite...




Dia 28 – sexta – 14h
Mostra Principal – Competitiva


Enfim sós!
Rafael de Andrade/18’/FIC./Brasília/DF
Julia conversa com suas amigas embaixo do prédio e pelo computador, enquanto Gabriel descreve sua estória para seu amigo na escola. Ambos narram a noite em que transaram pela primeira vez, porém as duas versões são bastante diferentes.

 

Com as próprias mãos
Aly Muritiba/15’38’’/FIC./Curitiba/PR
Em um imenso galpão abandonado, uma mulher inflige as mais diversas torturas em um homem a fim de obter respostas.



Doce de coco
Allan Deberton/20’/FIC./Ceará/BR
A família de Diana trabalha com cocadas caseiras. João, o irmão mais novo, pega os frutos do coqueiro para que Diana e a mãe preparem os doces. Zacarias, o pai, sai para a cidade vender. Tudo muda quando Diana vai tomar banho no rio...

Premiações:
Melhor filme júri popular, melhor diretor e melhor atriz no V Festival de Cinema dos Sertões 2010.
Melhor produção cearense no 21º Cine Ceará.
Seleção oficial 2º Festin Lisboa/Portugal.
Menção honrosa filme destaque no Festival de Cine de Cosquin, Argentina.


Esse é o carnaval da superação
Diogo Leite/12’/DOC./São Paulo/SP
Em 2009 a tradicional escola de samba paulistana Nenê da Vila Matilde foi rebaixada para o grupo de acesso. No carnaval de 2010 a equipe de filmagem acompanhou os bastidores da escola sob o ponto de vista de seu jovem mestre de bateria.



Tempo de criança
Wagner Novaes/15’/FIC./Rio de Janeiro/RJ
Uma construção dramática e poética sobre o cotidiano de uma menina que tem que ser grande quando a mãe não está em casa.





Dia 29 – sábado – 20h
Mostra Principal – Competitiva 



Rái Sossaith
Thomate/10’5’’/ANI./Ribeirão Preto/SP
Os melhores momentos do programa de colunismo social do glorioso Atail Menezes.

Anim!Arte 2011- 10º Festival Brasileiro Estudantil, Festival Art Dèco 2011 – Mostra Convidados

Tempestade
César Cabral/10’/ANI./Santo André/SP
Um marujo solitário navega através de oceanos tumultuados por tempestades em busca do reencontro com sua amada. Segue uma rotina rígida de afazeres até que mudanças inesperadas em sua rota alteram o seu destino.

Melhor produção na área de cinema digital – 14ª Cultura Inglesa Festival.
Melhor direção: 3º Festival de Cinema de Paulínia.
Melhor curta-metragem – 17º Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá.
Menção Honrosa 32º Festival Internacional Del Nuevo Cine Latino America.


Timing
Amir Admoni/ 8’/FIC./São Paulo/SP
A ambição desenfreada de um jovem homem de negócios o transforma num escravo voluntário do tempo. O curta-metragem TIMING leva essa metáfora ao extremo, usando cenas gravadas misturadas a técnicas de animação em 3D para criar uma realidade fantástica em que o personagem fica literalmente aprisionado dentro de um relógio de uma estação de trem.

A melhor idade
Angelo Defanti/14’/FIC./Niterói/RJ
Meu nome é Antenor, tenho setenta anos e uma ferida na perna. Tive que escolher entre o remédio para diabetes e a mensalidade da TV à cabo. Escolhi a TV. Aos setenta anos, quem precisa de pernas.


 
Braxília
Danyella Proença/17’30’’/DOC./Brasília/DF
Braxília documenta a poesia de Nicolas Behr sobre Brasília num livre ensaio em parceria com o poeta – personagem.

 





Babau para todos
Carlos Normando/20’/DOC./Fortaleza/CE
Babau do Pandeiro é o cambista que virou artista e não quer nem saber em que bicho isso vai dar. Um perfil do cantor e compositor mais popular de Fortaleza.

Premiação
3º lugar na 6ª Mostra do Curta Nordestino (FestNatal 2010);
Festivais
18º Gramado Cine Vídeo (2010);
8º Festival de Cinema de Maringá (2011);
2º Festival JeriDigital (2011).

 
Felizes para sempre
Rick Mastro/7’/DOC./São Paulo/SP
A verdadeira história de amor entre Lú e Lígia.







http://curtaourinhos.blogspot.com/p/concurso-de-forro.html