sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

CURTA POESIA a Ronaldo Nerys


















(foto:Ronaldo Nerys)

Pela luz dos teus olhos
Pelo olhar que fazes daqui
Que daqui fazes um lugar melhor
Que me faz melhor
Sem chegar a teus pés
Trilho caminhos
Cruzo fronteiras por eles
Por tuas pegadas
Tantas histórias
Por tua boca
A tua história
Com tintas de tantas paletas
Com luzes de tantas poesias
De tantas personagens
De tantas telas
Um pouco também a minha
Tanto e tão curto é o tempo
Nada a dizer
Tanto a contar
Sem pontos nem vírgulas
Sem sígnos inúteis
Preenche os espaços
Os neurônios
Os pulmões
O estômago
O coração
Todo o papel
Os sete buracos
e ponto

3 comentários:

Ari disse...

Toda força do mundo pra vc Mosca, durante essa grande perda pra nós, e incrível aquisição pra o paraíso...

Ramiro Pinto disse...

Meu irmão Mosca,
a vida é uma passagem
para novas vidas
e um dia todos nós
nos encontraremos ...
um beijo no coração.

Ramiro Pinto

Rafaela disse...

Querido Mosca... Nao sei se lembra de mim, sou eu Rafaela de Cabaceiras... Meu Deus, que tristeza e pesar q sinti ao saber da morte do Ronaldo... Parece mentira...
Mais graças a Deus ele morreu deixando algo bom dentro da gente... Foi um grande homem... O cinema Brasileiro entra em Luto e nao sairá tao cedo..
Q Deus te dê forças...